DESTAQUES

A pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

Já aqui apresentámos o trabalho de diversos artistas hiper-realistas (como Paul Cadden e Roberto Bernardi), mas a obra de Steve Mills é sem dúvida merecedora de que voltemos a visitar este tema.
O seu trabalho de pintura a óleo oscila entre a paisagem e a natureza morta, representando tanto objectos do quotidiano (como caricas, rolhas, pilhas de jornais ou jogos de tabuleiro) como paisagens marítimas e campestres onde a ausência da figura humana não retira em nada à composição uma vibração plena de vida.

Steve Mills nasceu em Boston (E.U.A.) em 1959 e começou a sua carreira artística aos 11 anos, idade com que vendeu o seu primeiro desenho.
Desde a infância que Steve manifestava o seu fascínio pelo detalhe, elegendo os lápis de côr como material preferido para as suas obras, e quando visitou uma exposição do trabalho de Richard Estes, em Boston, o fotorealismo tornou-se a sua paixão e forma de expressão artística.

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

pintura hiper-realista de Steve Mills

fonte: boredpanda

partilhar este artigo:


Outros artigos sobre arte neste blog:

1 comentário:

Blogger Template by Clairvo